Passagem só de ida é um podcast de compartilhamento de histórias de pessoas LGBT+ brasileiras e estrangeiras que migraram para a cidade de São Paulo, ou passaram por ela, em algum momento de suas vidas. Cada episódio traz o relato de alguém sobre os seus processos de deslocamento físico e subjetivos, priorizando a sua liberdade narrativa e os marcos pessoais por meio dos quais ela conta a sua trajetória e recompõe a sua história. 



Disponível nas plataformas:




A Casa 1 é um espaço de acolhida para jovens LGBT de 18 a 25 anos que foram expulsos de casa por suas orientações afetivo-sexuais e identidades de gênero, e também uma Clínica Social e um Centro Cultural aberto e gratuito pra todo mundo.



O Acervo Bajubá é um projeto voltado para preservação, salvaguarda e pesquisa historiográfica da arte, memória e cultura LGBT brasileiras. Com um acervo de cerca de 4000 itens, atualmente ocupa um espaço no centro cultural da Casa 1, em São Paulo/SP.



Apoio:
 




Realização:




Ep. 09: Raphael: a alma, o corpo, o mundo




Raphael Jacques nasceu em Porto Alegre, mas, logo cedo, mudou-se para Gramado, onde foi criado por uma de suas avós. Na sua infância, a vida no sítio permitiu que ele desenvolvesse seus lados artístico e lúdico. Porém, em uma cidade conversadora, Raphael logo teve que lidar com as cobranças em relação à sua masculinidade e aos seus gostos pessoais, considerados como coisas de veado. Sentindo-se aconselhado pelas músicas que escutava com sua mãe, ainda na adolescência, Raphael mudou-se para Canela em busca de maior liberdade e independência. Iniciou-se então um processo de constantes mudanças que o levaram a Porto Alegre, ao Rio de Janeiro e, finalmente, a São Paulo. Neste processo, Raphael construiu a sua persona drag queen, que o tornaria conhecido e abriria muitas possibilidades pessoais e profissionais: a Alma Negrot. Hoje, Raphael se entende como um corpo no mundo que encontrou em São Paulo um lugar de pertencimento devido às possibilidades de conexões que a cidade oferece.


















Projeto: Bruno O., Marcos Tolentino e Yuri Fraccaroli
Produção: Marcos Tolentino
Entrevista, roteiro, pesquisa e captação deste episódio: Marcos Tolentino
Montagem, edição e pesquisa sonora: Jj jj jj
Vinheta e trilha original: Nolo
Assessoria jurídica: Lucila Lang
Assessoria de imprensa: Brenda Amaral
Apoio: Rede de Mulheres Imigrantes Lésbicas e Bissexuais
Realização: Casa 1 e Acervo Bajubá